FAMA MAGAZINE

Cidadania italiana mais clara: certidão de Non Rinuncia

Requerer a Cidadania Italiana significa que você tem um descendente italiano e, de acordo com as leis da Itália, este membro da família pode lhe transmitir o direito a ser um cidadão no país, certo? E se, por algum acaso, alguém na família renunciou, de alguma forma, à cidadania italiana?

Para provar que nem você, e nenhum de seus ascendentes renunciaram, existe um documento para confirmar essa informação. É a Certidão de Não Renúncia.

O documento é solicitado pelo Comune (se você não sabe o que é uma comuna, clique aqui!) no qual você está desenvolvendo o processo de reconhecimento à Cidadania Italiana. É solicitado assim que você faz o registro para a residência, e sua documentação é aprovada.

Mas, por causa de seu formato, o documento também serve para que a Comune tenha uma verificação extra da autenticidade dos dados do requerente, através da autoridade italiana no Brasil. Uma vez que são os Consulados Italianos no Brasil que fazem este envio da certidão.

Os documentos são solicitados para o requerente, e ascendente italiano, caso tenha vivido no Brasil. Se, por acaso, as duas pessoas viveram em estados diferentes, ambos os consulados dos estados deverão emitir duas Certidões de Não Renúncia.

Uma vez solicitado, resta aguardar o tempo de resposta. Devido à logística específica de cada região, elas contam com tempos próprios para responder. Confira:

– Rio Grande do Sul: menos de 90 dias;
– Curitiba: menos de 90 dias;
– São Paulo: menos de 90 dias;
– Rio de Janeiro: mais de 180 dias;
– Belo Horizonte: cerca de 90 dias;
– Recife: menos de 90 dias;
– Brasília: menos de 90 dias.

Você deve levar em consideração este tempo da Certidão, para se organizar melhor durante o processo de Cidadania Italiana. Mas, mesmo assim, se você ainda ficou com alguma dúvida, não fique sem falar conosco, enviando e-mail para: info@dirittodicittadinanzasrl.com

Por Silmara Fabotti 

%d blogueiros gostam disto: