Como manter seu celular higienizado e evitar propagação de doenças

É apontado por estudos, que smartphones acumulam fungos, bactérias e vírus. Assim, em tempos de precaução contra doenças, muito se pesquisa sobre como limpar os celulares de maneira adequada. Os celulares podem sim, ser portadores de transmissão de doenças de todo tipo, incluindo o coronavírus.

A causa disso é o nosso constante uso com os aparelhos, e o fato de que os usamos logo após tocar em objetos como corrimãos e maçanetas, outros objetos que são bons transmissores de vírus. O aparelho pode transmitir também, pelo fato de que o compartilhamos com outras pessoas, seja para mostrar uma imagem, ou emprestando para algum uso específico.

Também é importante lembrar que, ao tossir, falar ou espirrar, o vírus se espalha pelas gotículas, que se transportam até superfícies como maçanetas, apoios de transporte público, botões de elevadores, teclas de computador, celulares, entre outros.

Assim, as recomendações de higiene seguem as mesmas: usar água e sabão ou álcool, para limpar as mãos. Já para os smartphones, tablets e notebooks, é necessário usar outros métodos, uma vez que água, sabão e álcool podem danificar os aparelhos.

Apple e Samsung divulgaram recomendações sobre o que fazer e o que não fazer na hora de limpar e higienizar os smartphones. Veja os conselhos, que se estendem a tablets e notebooks.

O que PODE fazer:

  • Desligar o aparelho: Facilitar o trabalho, pelo fato do smartphone não notificar, vibrar ou ligar a tela sozinho. Também é importante retirar a capinha, e desconectar todos os cabos e acessórios.
  • Use álcool isopropílico com concentração 70%: sua composição tem pouca água, impedindo assim a oxidação das pessoas. Ainda assim, não é bom aplicar o produto direto no aparelho. E sim colocar o álcool em um pano apropriado. Este álcool é suficiente para matar a grande maioria dos vírus, incluindo o coronavírus.
  • Use somente panos macios, sem fiapos: O pano de microfibra é o melhor para este caso. Evite toalhas, lenços, papel toalha e elementos parecidos.
  • Não se esqueça da capinha: As capinhas também acumulam sujeita. Se elas forem feitas só de plástico, podem ser lavadas com água e sabão. Materiais como couro, precisam de produtos adequados.

O que NÃO PODE fazer:

  • Não borrife líquidos diretamente no aparelho: mesmo o álcool pode danificar entradas de energia, de fone de ouvido, ou ainda os alto-falantes.
  • Nunca limpe o smartphone com ele conectado na tomada: umidade e energia elétrica é uma combinação perigosa. Jamais faça uma limpeza de qualquer produto quando estiver conectado à rede elétrica.
%d blogueiros gostam disto: