Comfort Food pode gerar bem-estar durante a quarentena

30/4/2020 –

Sabores que ativam sensações de prazer e segurança trazem conforto, diz chef; Aprenda três receitas saborosas e simples para momentos desafiadores

Além do papel nutritivo, a comida é responsável por saciar a fome e aspectos emocionais como alegria, reconhecimento, solidão e melancolia. Com isso, o termo comfort food representa o papel da comida além da sua função fisiológica, ativando sensações de satisfação e conforto no corpo. Uma comfort food pode gerar bem-estar durante as mudanças bruscas advindas da quarentena. “Em momentos desafiadores, sabores que ativam sensações de prazer e segurança trazem conforto”, explica Luana Hernandez, chef parceira da Smart.

O ato de se alimentar faz parte diariamente do processo natural da vida desde o nascimento. Comer está relacionado à sobrevivência e vitalidade do homem. No entanto, a alimentação é determinada pela disponibilidade de alimentos locais, hábitos e aspectos culturais. “A forma como comemos e os gostos pessoais estão diretamente ligados à experiência de cada pessoa. Está relacionado às preferências alimentares do meio que crescemos que, geralmente, se mantém ao longo da vida”, reforça a chef.

Luana lembra também que a comida é uma máquina do tempo. Ao sentir um sabor específico, é possível voltar, com apenas uma garfada, a detalhes de uma situação vivenciada na infância e a experiências de uma viagem, por exemplo. “Os temperos são indispensáveis em uma comfort food. Ervas e condimentos aguçam sentidos e nos levam facilmente a uma memória afetiva”, conta. Além disso, segundo a chef, diante de situações desafiantes, as ervas e condimentos também podem contribuir com suas propriedades terapêuticas como antioxidantes e bactericidas, que fortalecem o sistema imune.

Confira as três comfort food simples e saborosas que a chef parceira da Smart sugere para experimentar durante a quarentena:

Sopa de feijão com macarrão
Serve 2 pessoas

500 g de feijão vermelho cozido com louro e caldo
4 dentes de alho
2 tomates
3 colheres de sopa de azeite
1 cenoura grande
2 talos de salsão
1 abobrinha grande
1 chuchu grande
100 g de macarrão (pode ser da sua preferência; vale conferir com risoni, com formato de grãos de arroz e o macarrão de letrinhas, que remetem à memória afetiva)
Sal marinho
Pimentas coloridas

Modo de preparo:
Pique em cubos a cenoura, o salsão, abobrinha e chuchu. Reserve.
Pique o alho e refogue com azeite, acrescente os legumes crus quando o alho dourar.
Deixe que dourem bem e em seguida acrescente os tomates.
Espere que desmanchem e acrescente o feijão com o caldo e o macarrão.
Tempere com sal e pimentas coloridas, ambos moídos na hora.
Espere o macarrão cozinhar e sirva com salsinha e cebolinha picados por cima, azeite, parmesão e torradas de pão.

Frango de panela com cúrcuma
Serve 4

1 kg pedaços de frango (coxa, sobrecoxa e peito)
2 cebolas
1 colher de chá de Mix de Ervas e sal rosa
3 colheres de sopa de óleo de girassol.
1/2 colher de chá de cúrcuma em pó (açafrão da terra)
¼ colher de chá de colorau (urucum em pó)
1/2 xicara de vinho branco seco
200 g de mini batatas
100 g echalotes (chalotas, conhecida também como cebolinha-branca)
½ maço de salsa

Modo de preparo:
Tempere os pedaços de frango com o Mix de Ervas e sal rosa e reserve.
Refogue a cebola picada no óleo, em fogo baixo, até que fique bem dourada.
Vá pingando água para evitar que a cebola queime, mas continue refogando.
Repita o processo por cerca de três vezes ou até formar um creme de cor marrom.
Agregue a cúrcuma, o colorau e os pedaços de frango.
Deixe fritar levemente, acrescente o vinho branco e cozinhe em fogo brando até começar a secar o líquido.
Agregue as batatas inteiras lavadas e com casca e as echalotes descascadas e mexa vez ou outra.
Vá acrescentando água aos poucos.
Quando o frango estiver cozido e o molho espesso, finalize com salsa picada e sirva com arroz branco e quiabo refogado.

Espaguete com almôndegas
Serve 4

500 g de espaguete
Almôndegas:
200 g de carne vermelha moída
200g de carne suína moída
150 g de bacon moído
1 ovo
2 colheres de sopa de migalhas de pão amanhecido
1/2 colher de chá de canela em pó
1 colher de chá de Sal rosa temperado para carnes
¼ xícara de óleo para fritura
Molho de tomate:
2 latas de tomate pelado
4 dentes de alho
1 colher de sopa de manteiga
1 ramo de alecrim
Ramos de tomilho
Ramos de manjericão

Modo de preparo:
Misture todos os ingredientes da almondegas e amasse até formar uma pasta homogênea. Enrole as bolinhas do tamanho de preferência e frite no óleo para dourarem. Reserve.
Para o molho de tomate, frite o alho picado na manteiga e acrescente o tomate pelado batido no liquidificador. Faça um buquê com os ramos das ervas e barbante e acrescente ao molho. Deixe apurar.
Coloque o macarrão para cozinhar em água fervente abundante e sal.
Acrescente as almôndegas ao molho, para terminarem de cozinhar.
Retire o buquê de ervas.
Misture a massa ao molho e sirva com parmesão.

Website: http://www.smarttemperos.com.br

%d blogueiros gostam disto: