Chanceler afirma que programa de subsídio a trabalhadores vai durar até o final de outubro

O esquema de licença de coronavírus no Reino Unido irá terminar no fim de outubro. O chanceler Rishi Sunak confirmou a informação. Sunak também explicou como os empregadores lidarão com a situação. A partir de agosto, os empregadores devem pagar seguro nacional e contribuição para pensões. Depois, 10% do salário de setembro, e 20% em outubro.

Além disso, os trabalhadores poderão retornar ao trabalho parcial a partir de julho, mas com empresas pagando 100% dos salários. Sunak disse, ainda, que o esquema de retenção de empregos com coronavírus se ajustará para que “quem puder trabalhar possa fazê-lo”.

Atualmente, 8,4 milhões de trabalhadores recebem 80% de seus salários pelo governo (em um limite de £2,500. Originalmente, tal programa deveria durar até o final de julho. Mas, no início de maio, o chanceler estendeu o plano até o fim de outubro. Mas não havia explicado ainda como os empregadores começariam a contribuir.

Nas mudanças de sexta, os trabalhadores cobertos pelo programa seguirão recebendo 80% do salário até o fim de outubro. Mas até então, um quinto do salário terá que ser pago pelos empregadores. “Então, depois de oito meses dessa intervenção extraordinária do governo intervindo para ajudar a pagar os salários das pessoas, o esquema será encerrado”, disse Sunak.

O programa seria reativado em caso de um segundo pico?

Questionado se o programa seria reativado, caso um segundo pico de coronavírus obrigasse o país a retomar as medidas de bloqueio, o chanceler disse que tal esquema “como está em uma maneira nacional, da maneira como foi projetado” terminará em outubro. “Oito meses, como eu disse, são um período generoso e longo”, disse ele.

As reivindicações dos empregadores atingiram 15 bilhões de libras. No entanto, espera-se que o esquema custe, ao final, cerca de 80 bilhões de libras. O que daria 10 bilhões de libras por mês. O Escritório de Responsabilidade Orçamentária está calculando tudo para publicar os custos detalhados na próxima semana.

%d blogueiros gostam disto: