Rainha Elizabeth II é dona de uma franquia do McDonald’s. E pode nunca mais aparecer em atividades reais.

A Rainha Elizabeth é uma rainha. Assim, tem muitas posses, como carros, joias, e castelos. Ela possui 13 bilhões de libras em propriedades, incluindo todos os cisnes do rio Tamisa, todos os golfinhos do Reino Unido e ainda possui um caixa eletrônico exclusivo, no porão do Palácio de Buckingham. Mas, você sabia que a rainha também é dona de uma franquia do McDonald’s?

A revista Business Insider, que levantou a informação, explicou que a loja fica a 130 km de Londres, no condado de Oxfordshire. A loja não conta com nenhuma diferença em relação as demais, sendo mais um dos muitos restaurantes do McDonald’s no país. Apenas questões locais, como um café da manhã tipicamente britânico, com sanduíche de bacon e chá, é adicionado ao cardápio.

Os atendentes e funcionários do local confirmam que o restaurante pertence à Elizabeth, mas que ela nunca esteve no local.

Rainha Elizabeth pode não voltar às obrigações reais

Enquanto isso, a monarca segue isolada. Ela e o Príncipe Philip permanecem isolados, desde o início da pandemia no Reino Unido. E, de acordo com o jornal Daily Mail, Elizabeth II poderia, nunca mais, voltar às suas atividades como a chefe de Estado do país. A medida seria para preservar sua saúde, já que ela tem 94 anos, e os indícios afirmam que a pandemia de coronavírus poderá durar ainda meses.

Mas ela não abdicará do trono. Apenas poderá passar as responsabilidades ao herdeiro do trono, o Príncipe Charles, ou ao neto William, o segundo na linha de sucessão. O biógrafo real Andrew Morton, de 66 anos, disse ao diário The Sun que temia que a rainha, cuja agenda não será retomada até o outono, nunca será capaz de retornar às suas funções habituais e provavelmente será vista somente em links de TV ou vídeo.

“É terrivelmente triste, mas não consigo ver como a rainha pode retomar seu trabalho normal. O vírus Covid-19 não desaparecerá em breve e estará conosco por meses, se não anos. Seria muito arriscado para a rainha voltar a encontrar-se com pessoas regularmente”, disse Morton à publicação.

%d blogueiros gostam disto: