Serviço de rastreamento já identificou 31 mil pessoas na Inglaterra

Mais de 31 mil contatos foram identificados na primeira semana de rastreamentos na Inglaterra. Destes, 85% foram contatados e solicitados a praticar o auto-isolamento, por 14 dias. 8 mil pessoas que testaram positivo para o coronavírus foram encontradas, e forneceram detalhes de quem tiveram contato, para a busca destas pessoas.

25 mil rastreadores de contato foram recrutados na Inglaterra e começaram a trabalhar desde o final de maio. Os números do NHS, que cobrem os dias entre 28 de maio e 3 de junho, foram os primeiros divulgados, para mostrar o progresso do esquema de rastreamento no país.

Foi uma das medidas encontradas para controlar a propagação do vírus. Solicitando às pessoas que testaram positivo para o coronavírus que enviem informações sobre pessoas as quais tiveram contato próximo. Tudo se inicia com um teste, para ver se a pessoa teve sintomas de covid-19. Caso seja positivo, os rastreadores enviarão SMS, e-mail ou telefonarão, solicitando que esta pessoa entre no site NHS Test and Trace.

Os contatos próximos desta pessoa serão instruídos a ficar em casa por 14 dias, mesmo que não tenham nenhum sintoma. A Escócia segue a sua própria política de rastreamento, encontrando 741 contatos de 681 testes positivos para o vírus. A Irlanda do Norte já pratica esta medida, enquanto o País de Gales iniciou o rastreamento em 1º de junho.

%d blogueiros gostam disto: