Reino Unido começou tratamento com remédio que se mostrou eficaz contra a covid-19

Um remédio que ajuda a salvar vidas de pacientes gravemente enfermos com a covid-19 está sendo utilizado no Reino Unido a partir desta quarta (17). Os resultados positivos em estudos apoiaram o uso do medicamento. A dexametasona, um esteróide barato e disponível, demonstrou reduzir as mortes entre os pacientes que precisam ventilação mecânica e oxigênio.

Os principais médicos do Reino Unido dizem que deve ser usado com efeito imediato. Uma carta urgente dos quatro principais médicos do país para os médicos do NHS, eles explicam que a dexametasona tinha “um lugar claro no tratamento de pacientes hospitalizados com covid-19”.

O secretário de Saúde, Matt Hancock, disse para a Câmara dos Comuns que 240 mil doses da droga estão em estoque e sob encomenda. “Não é nenhuma cura, mas são as melhores notícias que tivemos”, esclareceu.

Testado e aprovado

O medicamento anti-inflamatório foi testado como parte do maior teste do mundo de tratamentos existentes para verificar se eles também podem ser úteis contra o coronavírus. Na avaliação, comandada por uma equipe da Universidade de Oxford, cerca de 2 mil pacientes hospitalizados receberam dexametasona e compararam com outros 4 mil que não receberam a medicação.

Para pacientes em ventiladores, diminuiu o risco de morte de 40% para 28%. E para pacientes que precisam de oxigênio, diminuiu o risco de morte de 25% para 20%. Pesquisadores afirmam que estes resultados mostram que uma vida pode ser salva em cada oito pacientes em ventiladores, e uma vida salva para cada 20 com oxigênio.

Marium Zumeer, 18 anos, de Bradford, que recebeu a droga como parte do julgamento, disse que ela “salvou vidas”. Ela foi internada no hospital após 10 dias de muito mal-estar e, depois de iniciar o tratamento com a droga, disseram-lhe que esperaria estar em casa em uma semana. “E uma semana depois eu voltei para casa”, disse Zumeer.

Na segunda-feira, 15 de junho, 385 pessoas com Covid-19 estavam em ventilação mecânica em hospitais no Reino Unido, com centenas mais propensas a usar oxigênio. Todos eles poderiam ser candidatos a receber dexametasona.

A droga funciona amortecendo a reação do sistema imunológico do corpo ao covid-19, que geralmente pode ser mais prejudicial do que o próprio vírus.

%d blogueiros gostam disto: