Conheça as novas regras de casamentos na Inglaterra, devido à pandemia

Casar na Inglaterra será um pouco diferente. As cerimônias no país terão que se adaptar às novas regras estabelecidas, para respeitar distanciamento social e manter o país com o coronavírus sob controle. Como exemplo, apenas 30 pessoas poderão participar da cerimônia, e mudanças na recepção também terão que acontecer.

A partir de quatro de julho, casamentos e cerimônias de união civil poderão ser realizadas com este número limitado de convidados, incluindo a equipe de fotógrafos e testemunhas. As pessoas deverão manter o distanciamento social, o canto não será permitido e as mãos deverão ser limpas antes da troca de alianças.

A recepção deverá ser pequena, com apenas duas famílias dentro do local. Estas medidas marcam o retorno dos casamentos na Inglaterra, que foram proibidos em qualquer circunstância, desde 23 de março, quando o país entrou em lockdown. As outras nações do Reino Unido seguirão suas regras, já que possuem liberdades de promover suas próprias medidas quanto ao coronavírus e bloqueios.

A Irlanda do Norte terá casamentos com até 10 pessoas ao ar livre. Assim como na Escócia. No País de Gales, as cerimônias poderão acontecer em qualquer lugar, mas com distanciamento social observado.

As novas regras de casamento na Inglaterra

Baseados no novo guia para a Inglaterra, sobre o coronavírus, pequenos casamentos e cerimônias de união civil serão permitidas, apenas quando eles puderem ser realizados com segurança e distanciamento social.

Entre as medidas, existem os seguintes pontos:

  • As cerimônias devem ser as mais curtas e diretas possíveis, e limitada ao máximo possível as partes legalmente necessárias, como testemunhas.
  • O máximo de 30 pessoas no evento
  • Todos deverão manter dois metros de distância, ou 1 metro em casos extraordinários
  • Não poderá haver comida e bebida na cerimônia.
  • As mãos deverão ser lavadas antes e depois da troca de alianças, e as alianças deverão passar pelo mínimo de pessoas possíveis.
  • Música que faça com que as pessoa cantem estão proibidas. A sugestão é o uso de músicas ambientes, e gravadas.
  • Falar na cerimônia, incluindo as respostas de votos dos noivos, não poderão ser faladas em voz alta.
  • Proibido o uso de instrumentos
  • Se os noivos fazem questão de uma música, poderá ser apenas com uma pessoa, distante de todos, e usando uma tela de proteção
  • O local da cerimônia deverá ser marcada com fitas ou tinta, para manter as pessoas no distanciamento social.

O governo aconselha que o layout do casamento seja adaptado, para evitar assentos “frente a frente”, melhorias na ventilação e o uso de máscaras faciais. A regra de 2 metros ou 1 metro, em casos específicos, terá exceções, como a entrada da noiva com seu pai, desde que vivam, antes do casamento, na mesma casa.

O máximo de 30 pessoas no evento inclui todos os presentes: noivos, testemunhas, oficiais, convidados e profissionais, como fotógrafos.

%d blogueiros gostam disto: