Maioria dos americanos não pretende voltar aos cinemas em 2020

Hollywood quer reabrir os cinemas o quanto antes, mas uma pesquisa mostra números não muito animadores. O público dos EUA não está disposto a assistir filmes nos cinemas em 2020. A pesquisa, publicada pela The Hollywood Reporter, diz que 65% dos americanos acham “improvável” um passeio no cinema “imediatamente”. Enquanto 35% dizem que não pensam em ir a um cinema em 2020.

Usando máscaras e com medidas de segurança, 19% arriscariam. Para 2021, o cenário muda. Com expectativas de vacinas, tratamentos e melhoras na situação de coronavírus nos EUA, 50% dos entrevistados pensam em voltar e frequentar cinemas. E os principais gêneros são os filmes de ação e aventura. Boa notícia para a Marvel, que “estacionou” seus filmes durante estes dias de pandemia.

A pesquisa também abordou temas recentes, como os questionamentos sobre antirracismo no país. Entre os entrevistados, 54% das pessoas assistiriam filmes estrelados por atores negros, enquanto 45% provavelmente procuraria produções históricas sobre escravidão ou segregação.

Reabertura dos cinemas

Enquanto a reabertura dos cinemas americanos ainda é discutida e a postura do público, segundo pesquisas, não é animadora, a rede de supermercados Walmart acaba de anunciar que vai transformar os estacionamentos de seus estabelecimentos em drive-in.

Esse serviço, que foi tendência nos anos 50 e 60, deve voltar com força como alternativa para a indústria do entretenimento. Aliás, no último final de semana rolou o primeiro show neste formato no Allianz Parque, em São Paulo, e o evento dividiu opiniões.

Voltando ao Walmart, as sessões ocorrerão em pelo menos 160 lojas a partir de agosto, inclusive em estabelecimentos de cidades menores que ficaram de fora de outros projetos parecidos anunciados nos Estados Unidos.

Aqui no Brasil, no ano passado a marca mudou seu nome para Big e por enquanto não há informações de que um projeto parecido irá ocorrer.

%d blogueiros gostam disto: