Reino Unido precisa de mais voluntários para teste de vacina contra coronavírus

Os pesquisadores da vacina contra o coronavírus dizem que é preciso mais voluntários, para os testes. Já são mais de 100 mil pessoas que se inscreveram, mas mais pessoas ainda podem participar. Eles dizem que quanto mais pessoas participarem dos testes, mais rápidos serão os esforços para encontrar uma vacina segura e eficaz.

A procura está, principalmente, em voluntários do chamado “grupos de alta prioridade”, como pessoas de minorias étnicas, ou com mais de 65 anos. Para quem quiser participar, é possível se registrar no site do NHS.

Kate Bingham, que preside a força-tarefa de vacinação do Reino Unido, faz um pedido: “Esses testes são seguros, inscreva-se. Quanto mais rápido conseguirmos os ensaios clínicos inscritos, vacinados e obter os resultados, mais rápido podemos obter uma vacina.”

Espera-se que vários testes comecem neste outono no Reino Unido. Até o final do ano, pode haver pelo menos meia dúzia de vacinas diferentes contra o coronavírus em testes clínicos, incluindo uma que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford que já está em um estágio avançado de testes.

E centenas de milhares de voluntários serão necessários. Eles receberão uma das vacinas de teste ou uma injeção de placebo e, em seguida, visitarão um hospital, ou outro centro de pesquisa, algumas vezes durante seis a 12 meses, onde irão:

  • ser informado sobre o estudo de pesquisa
  • tenha a chance de fazer qualquer pergunta
  • fazer exames de sangue

Entre as visitas, eles serão solicitados a informar a equipe de pesquisa sobre quaisquer sintomas que tenham e podem precisar manter um diário ou fazer testes semanais de garganta e nariz em casa.

%d blogueiros gostam disto: