4 dicas do CEO da Microsoft para uma liderança mais eficiente

Para ter bons conselhos sobre negócios, nada melhor do que falar com uma pessoa que é referência em liderança, como Satya Nadella, CEO da Microsoft. Foi o que fez Herbert Diess, CEO da Volkswagen, que ligou para Nadella em busca de orientações profissionais quando viu sua empresa passando por problemas.

Falando por experiência própria, Nadella explicou como sua empresa foi capaz de resolver dificuldades e subir o preço das ações da Microsoft. A ligação durou apenas 15 minutos, mas o Inc.com pontuou alguns destaques:

1. Não seja um “sabe-tudo”

No final dos anos 90, quando a Microsoft alcançou o status de empresa mais valiosa do mundo, isso gerou grandes problemas.

“As pessoas andavam pelo nosso campus pensando que éramos um presente de Deus para a humanidade”, lembra Nadella, que diz que essa arrogância é capaz de derrubar empresas, sociedades e civilizações. Por isso, é preciso aceitar que as pessoas não sabem tudo e estar dispostas a aprender.

Criando uma mentalidade de sempre querer crescer, você continua buscando aprender. Com isso, não existe o medo de tentar coisas novas e cometer erros — porque são oportunidades de aprendizagem.

2. Mais clareza no trabalho como líder

Um bom chefe é aquele que conseque transmitir coesão aos funcionários. “Mesmo que [os líderes] sejam muito inteligentes, se eles entrarem e criarem confusão, isso não é liderança”, diz Nadella. Liderança, ele diz, é quando a pessoa consegue trazer clareza para uma situação ambígua e incerta.

Caso você esteja liderando outros funcionários, pergunte-se algumas coisas. Quando sua equipe chega para uma reunião, todos sabem o propósito do encontro? Quando você atribui funções em um projeto, cada pessoa sabe o que deve fazer? Ou ficam surpresos e não atendem às expectativas?

Se alguns desses problemas parecem familiares, concentre-se em trazer clareza para sua equipe. Isso permitirá que vocês trabalhem juntos de maneira mais eficiente.

3. Crie energia na equipe

Nadella também enfatiza a necessidade de os líderes energizarem suas equipes. A verdadeira energia, ele diz, é feita unindo a equipe e criando química. Mesmo que todas as pessoas sejam boas individualmente, se elas não trabalharem bem juntas, terão um desempenho inferior.

4. Sem desculpas

Os verdadeiros líderes, diz Nadella, olham para o que eles próprios estão fazendo em vez de colocar a culpa em suas equipes. Se os chefes fizerem as coisas certas, os funcionários seguirão o exemplo.

%d blogueiros gostam disto: